30/09/2016

Resenha: Cobras em compota - Índigo

Cobras em compota

Autor(a): Índigo
Editora: Ministério da Educação
Páginas: 113
Resenha por: Larissa
Nota: 4/5





Sinopse: Cobras em compota é uma obra inspirada nas memórias da escritora paulista Índigo. Algumas histórias são da infância, época de imaginação desenfreada e de muitas descobertas; outras da vida adulta, tempo de experiências variadas e curiosas. São pequenos contos com temas diversos e marcados sempre pelo humor, que em alguns pontos é irônico, noutros sutil, noutros tão inusitado que chega a beira do nonsense.

No livro, o leitor vai encontrar histórias de travessuras que crianças fazem com animais e também entre elas, de medo e pesadelos, visões religiosas, conversas imaginárias, fantasias, relações interpessoais... E por aí vai. São histórias que nos parecem familiares, que fazem parte da realidade da maior parte das famílias e que poderiam ter acontecido com muitos de nós. Prepare-se para viajar pela imaginação de uma das mulheres que está fazendo a nova literatura brasileira.

Resenha: Mais um livro que peguei na escola e não dava nada, mas que acabou me surpreendendo positivamente.

"Livros, ela nos alertou, são munição para o pensamento."

Nesse livro, temos contos narrando acontecimentos que, como diz na sinopse, fazem parte da maior parte das famílias e que poderiam ter acontecido com qualquer um de nós.

Índigo escreve seus contos com uma leveza tão incrível, que você sente que ela tirou um dia com sua família só para lembrar da infância e passar as lembranças para o papel.

"Tenho vontade de ir até lá e dizer que todos nós passamos por isso; que quando a pessoa amada se vai, fica esse vazio que só aumenta."

Os contos que mais gostei foram "A vingança da lombriga" (conta uma imaginação bem engraçada que a autora tinha quando criança), "Sapo no espeto" (esse é mega nojento, ainda mais para mim que tenho pavor de sapo), "Os Cristos de Ana Paula" (fala das visões que a amiga da autora, Ana Paula, tinha, e é uma graça também) e "Livros pompom" (acredito que esse seja o melhor de todos, me define muito). É claro que gostei da maioria das histórias, mas essas foram as minhas preferidinhas.

Todos os contos são leves, simples e diretos, tanto que quase todos ocupam no máximo três páginas cada. E o melhor é que são contos baseados na vida da própria autora, o que torna tudo mais engraçado, já que você fica imaginando uma pessoa de verdade passando por todas as situações pelas quais ela passou.

Gostaria de deixar uma frase de uma entrevista com a autora que foi colocada no final do livro, pois ela representa muito a minha mãe. Acho que eu e a Índigo somos filhas da mesma mãe, ein!

"Minha mãe não permitia extravagâncias com roupa, sapato e brinquedos, mas livros ela comprava sem pensar duas vezes."

25 comentários:

  1. Minha professora mandou ler esse livro e até agora eu não li rsrs essa semana eu começo ele. Sua resenha ficou ótima e amei essa frase da entrevista que você colocou.
    Bjs!
    Refúgio da Ju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois que ler, vem me contar o que achou. Beijos!

      Excluir
  2. Olá,
    Não conhecia esse livro ainda. Amei a capa dele, mas acho que não leria por se tratar de contos. Não sou muito fã de livros assim. Mas acho super legal quando o pessoal se reúne e começa contar as histórias da infância hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto de ler contos, então é claro que adorei o livro.

      Excluir
  3. Oie
    Curti a premissa do livro e eu adoro contos. Que legal esta ultima frase que você separou, adorei.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nessa! Muito bacana a frase mesmo. Beijos!

      Excluir
  4. Tão delicioso quando sabemos que o tom autobiográfico foi mesclado com detalhes tão fictícios que, na verdade, acabam sendo apenas metáforas, não é? Adorei imensamente os detalhamentos tão poéticos sobre os quais já pude refletir a partir da análise incrível (que, como sempre, é tão enriquecedora por aqui) e já deixei o título na listinha de pendências!

    www.semquases.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que ficou interessada pelo livro, leia assim que puder!

      Excluir
  5. Não conhecia e me pareceu muito leve e divertido. Adoro esses livros mais 'diretos' e que nos distraem bastante :)
    Abraço! :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é muito bom para nos distrair e passar o tempo. Beijos!

      Excluir
  6. É tão bom quando a gente pega um livro para ler, não espera nada e se surpreende né? Adoro quando isso acontece <3
    E esse parece incrível :) Geralmente não gosto muito de livros de contos, mas como esse tem um só foco, acho que também iria curtir =D E histórias de família são sempre maravilhosas hahahhah
    Beijooos
    https://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também adoro quando isso acontece! Esse livro é ótimo porque fala de coisas que qualquer um de nós poderia ter vivido, sabe? Beijos!

      Excluir
  7. Olá meninas,
    Não conhecia a obra.
    Confesso que estou buscando personagens mais maduros nas leituras, mas parece interessante.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alessandra! É bem interessante mesmo. Beijos!

      Excluir
  8. Oi Larissa!
    Ainda não conhecia o livro, mas adoro ler contos, então gostei da dica. É tão bom quando um livro surpreende a gente assim né!

    Obs: Desculpe o sumiço, estava viajando mas agora estou de volta. ;)

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sora! Também adoro ler contos, me divirto bastante. Beijos!

      Excluir
  9. Oi Larissa!

    Não conhecia o livro, mas parece bem interessante, gosto de contos e achei a capa linda!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mi! Os contos são muito divertidos. Beijos!

      Excluir
  10. Oi, Larissa!
    Pelo título, eu nunca imaginaria que seria um livro de contos infantis...
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção 5 Anos de Além da Contracapa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Luiza! Tem contos de toda a vida da autora, acredito eu. Beijos!

      Excluir
  11. Oiii!
    Adoro contos e os infantis parecem trazer ainda mais magia pro leitor! Adorei a indicação e resenha <3
    Beijos!
    Sorteio de um ano do Borboletas ❤
    Borboletas de Papel | InstagramFanpageTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Fico feliz em saber que gostou da dica e da minha resenha. Beijos!

      Excluir
  12. Oi Larissa, sua linda, tudo bem?
    Eu adoro histórias que falem sobre família. Não tem como não se identificar, embora ocorram variações, os dramas são muito semelhantes. E esse parece ser muito leve e fofo. Embora não tenha o costume de ler livros de contos, vou indicar com certeza. Gostei muito da sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cida! Tudo bem sim e com você? Que bom que gostou da minha resenha, foi escrita com muito carinho. Acho que vale dar uma chance para esse livro, até mesmo quem não curte ler contos. Beijos!

      Excluir
  13. Obrigada pela "homenagem" com a frase final de tua resenha, me descreve muito bem... Parabéns pela resenha, como sempre, impecável. Bjos, te amo!

    ResponderExcluir