19/05/2017

Resenha: Coroa de ferro e trono de espinhos - Alana Gabriela

Coroa de ferro e trono de espinhos

Autor(a): Alana Gabriela
Editora: Amazon
Páginas: 428
Resenha por: Viviane
Nota: 5/5
*Livro cedido pela autora para resenha




Sinopse: Em Coroa de Ferro e Trono de Espinhos, a A Bela e a Fera, Édipo Rei e Aquiles se encontram num universo repleto de ação, segredos, mistérios e romance.

Na corte de Portlaiose o vento sibila impiedoso, as sombras dançam nas paredes do castelo e a hierarquia invisível sobrevive como cinzas na neve...

O rei Marteen de Portlaiose está morto e seu filho mais velho e o herdeiro direto, Joachim, subiu ao trono. Com o alvoroço das guerras nas fronteiras o pulso firme do jovem rei é o que tem sustentado o reino em suas constantes batalhas para proteger o território de invasores. Em meio ao caos e a busca para encontrar aliados, o irmão mais novo do rei, Gillean, acaba sendo morto. Uma caçada para encontrar o culpado se inicia. Tudo que Joachim pode fazer é ir atrás daquela que matou seu irmão para aplacar o mais temível de seus sentimentos e salvar o império da destruição.

Ele precisa encontrar Ceridwen Hill, a dama da legião!

Resenha: Ler mais uma livro da Alana me deixa muito feliz, pois ela foi uma das primeiras escritoras que confiou no nosso blog, lá no comecinho. Alana tem uma escrita muito rica e isto só fica mais em evidência a cada livro escrito.

Em "Coroa de ferro e trono de espinhos" vamos conhecer uma legionária, Ceridwen, uma jovem de dezoito anos que está sendo perseguida pelos homens do rei Joachim, pois matou Gillean, seu irmão caçula. Após algum tempo de fuga, ela é capturada por Cearllach, o primeiro guarda do rei.

Ceridwen usa uma máscara de ferro, e logo no início já foi possível saber que se trata de um feitiço que sua mãe colocou-a quando ainda era bebê, pois a própria fora vítima da beleza, já que o pai da jovem se aproveitou da beleza da mãe, engravidou a mulher e a abandonou com uma filha nos braços, então a mãe só quer que quem amar sua filha, ame por quem ela é, e não por sua beleza. A máscara só poderá ser removida quando alguém amar Ceridwen e o sentimento for recíproco.

"A beleza às vezes pode ser uma maldição!"

No castelo, após a captura, Ceridwen é colocada em uma masmorra. Se passam dias, até que o rei chama-a para conversar e faz uma proposta: a jovem deve fazer um trabalho muito perigoso em troca de continuar viva. Ele propõe que a jovem assassine Gofraidh, um rei tirano do povoado vizinho. Sem opção, Ceridwen aceita e cria um plano, mas na jornada até o destino as coisas saem do controle e ela é capturada pelos homens do rei.

Além da máscara enfeitiçada, Ceridwen também usa uma corrente com um pingente em forma de flor de azaleia, e quem toca nele com a intenção de lhe fazer mal, é repelido pelo objeto. O rei Gofraidh fica sabendo desse detalhe e propõe um acordo para jovem: ele irá livrá-la do feitiço da máscara e em troca ela deverá colocá-lo dentro do castelo do rei Joachim... Mais uma vez a moça não tem muita escolha e ainda vê a chance de se livrar de sua maldição.

A partir daí meu coração apertou... Será que Ceridwen é uma traidora? Será que ela nunca vai conhecer o amor verdadeiro?

No retorno para o castelo de Joachim, muitas coisas são reveladas, inclusive do passado da moça e da vida de Joachim e seu irmão.

"Ceridwen não havia se tornado dama da legião porque queria, mas porque, na época, precisava."

Foi uma leitura muito agradável. Em nenhum momento foi cansativa, pois sempre tinha algo que eu queria ir adiante para descobrir. A escrita da Alana, como eu disse antes, é muito rica, com palavras diferentes que algumas vezes precisei pesquisar e isso só me acrescentou culturalmente.

A estória tem inspiração em "A bela e a fera", "Édipo rei" e "Aquiles de tróia", mas é só uma referência, pois o que Alana escreveu é bem diferente. Gostei muito da leitura e já estou ansiosa aguardando um novo livro da autora.

"O olhar da legionária era tão vivo como a flama que atravessa e queima troncos de madeira numa crepitar, incandescente e cintilante, como o Crepúsculo que os cercava."

12 comentários:

  1. Oi Meninas,

    A história é muito interessante, tem uma pegada muito boa, fiquei curiosa para conhecer mais da personagem.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  2. Acho que foi aqui no seu blog mesmo em que comentei que quero conhecer a escrita da Alana, porque só leio coisas positivas sobre os livros dela.
    Esse é o que mais quero ler, porque parece ser tão fascinante, com uma protagonista que é obrigada a ir fazendo escolhas que talvez não sejam da sua vontade e se aliar a um e a outro.
    Adorei a resenha e a dica!
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Esse nome me lembrou aquela série que a Record publica.
    Achei a premissa bacaninha.

    tenha um ótimo final de semana :D
    Nana - Canto Cultzíneo / Novo Twitter

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Quero muito conferir essa história tbm, adorei a capa e sinopse*-* Estou lendo meu primeiro livro da Alana, Flor de Cerejeira, e adorando!
    Ps: Não achei um email pra contato aqui no blog, por isso mandei uma msg na sua fanpage ;)
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Gostei da sua resenha :)
    O livro parece ótimooooooooooooooooooo! ^^

    beijão ^^
    http://www.carolhermanas.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi meninas!
    Já li vários elogios sobre a Alana, mas não tive a oportunidade de ler algo dela.
    Essa premissa está incrível! Muito sucesso para a autora.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi meninas! Eu só leio críticas positivas do livro da Alana e fico muito feliz em termos uma autora nacional com tanto potencial! Que bom que vcs tb gostaram da narrativa delas!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  8. Oii meninas

    A história tem uma pinta de ser ótima, adorei as inspiraçoes da autora, e a capa, o que dizer? é maravilhosa e dá vontade de ler de imediato.
    Fica a dica anotada.

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oi!Nossa que história, só não entendi muito bem se ela é vítima ou vilã. Só lendo para saber kkkk Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
  10. Oi, meninas!
    Eu sou suspeita pra falar porque eu amo as obras da Alana e ainda fui beta dessa maravilha de livro.
    Fico super feliz que tenham gostado.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Dois Anos de Família Hallinson

    ResponderExcluir
  11. Oiiii, tudo bem?
    Eu não conhecia o livro ainda, mas gostei de conhecer. A capa é muito bacana e a proposta também. Fico muito feliz que tenha curtido tanto a leitura. É tão bom quando isso acontece né?
    Beijoooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. OoooI!

    Ultimamente vejo muitos livros do estilo. Eles tem me conquistado. Antes não me ligava muito no gênero... Legal você ter curtido! Espero gostar também <3 Beijos,

    www.estranhoscomoeu.com

    ResponderExcluir